Transtorno Compulsivo em cortar cabelo e agora??

Olá a todos, hoje no blog feminina e original vou falar um pouco sobre um assunto sério que descobri há pouco tempo que tenho e que inclusive influenciou na minha mudança capilar na verdade influencia há muitos anos mas que sem eu me desse conta que poderia se tratar de um comportamento por mim incontrolável. Trata-se do TOC ( TRANSTORNO OBSESSIVO COMPULSIVO) e o que é isso?

O TOC é um distúrbio nada mais é do que ansiedade canalizada que culmina em ações repetitivas e sem controle passando por níveis de descontrole ou obsessão.

Existe 2 tipos de TOC um que é o transtorno obsessivo compulsivo subclínico que de acordo com o especialista é o qual se adéqua ao meu caso são ações compulsivas mas que não atrapalha o cotidiano,a vida de uma pessoa. E o outro é o transtorno obsessivo compulsivo que é a total compulsão em determinadas ações.

Vários fatores servem para desencadear esse distúrbio, mas não vamos confundir TOC com Mania. Mania todos nós temos. Mas o toc é algo que deve ser levado a sério e tratado quando diagnosticado. Todos temos muitas manias mas a freqüência e falta de controle em determinados casos levando a obsessão deve ser tratado.Eu procurei ajuda especializada depois de perceber que eu não detenho controle sob determinado ato por exemplo : Algo que eu não quero mas não consigo controlar determinado ato,isso é ansiedade,isso é compulsão. E há mais de 10 anos eu sofro disto sem reconhecer ou me dar conta.Entrei em grupos de incentivo para crescimento capilar como o Projeto Rapunzel (Dicas e discussões) .Pode parecer bobeira, mas foi através do Projeto Rapunzel onde eu consegui um incentivo para acelerar o crescimento capilar e deixá-lo livre da tesoura coisa há uns 13 anos eu faço repetitivamente. Mas alguns podem se perguntar, mas e daí eu também corto o cabelo todo ano,mas cada caso é um caso :

Analise, se meu cabelo não tem um bom crescimento e toda vez que ele cresce um pouco eu corto, porquê? se quero deixá-lo crescer porquê tal alto compulsivo,por que não consigo deixar o simples fato de não cortar o cabelo se ele não necessita de corte? Este ano eu já cortei o cabelo 4 vezes. O que me intrigou foi o fato de eu estar em um projeto incentivando e recebendo incentivo para não cortar mas se dar conta que era um longo processo de anos o qual venho cortando contra ou com a minha própria vontade,é isso eu não tenho controle, e estando em estado de ansiedade é aí que a coisa acontece,stress, problema emocional,são incentivos para tal prática,não satisfeita a minha última ida ao salão pedi p cortar o cabelo todo, sorte que a cabeleireira não cortou e disse ei,pera vamos deixar um pouco de cabelo aí,e esse foi o resultado!

Pra quem disse que eu tive corte químico com henê coisa que não tem nada a ver ,amo o henê o que acontece é que não o usam de forma correta depois saem por aí falando absurdos de uma coisa já prevista, e isto não ocorreu porque eu não uso outra química e da última vez que apliquei antes de cortar nesse estilo deixei foto aqui no blog além de mostrar em o resultado então por favor não falem de coisa infundada e que não tem nada a ver (y)

Se isso é cabelo com corte químico hahaha, se fosse eu falaria pois já passei por isto este ano  e foi outra situação bem triste , mas  E como eu ia dizendo cheguei assim no salão mês de setembro.

DSC04087 DSC04110

Saí do salão assim ,  primeiros dias estranheza, tentando adaptar mas não deuuu =(

1278267_516757535071615_2011853754_n 1305443_516756761738359_1749376811_n

No início me senti bem,livre,mas depois veio o sentimento de culpa porque não era o que eu queria fazer,eu não queria cortar meu plano ,meu projeto era outro e de repente sentir falta do cabelo começou a pesar e me fazer refletir e entristecer com a situação.E buscar ajuda. Minha solução foi a psicoterapia, sei que é um longo processo, espero não precisar de medicamento por enquanto,pois a vontade de fazer mais merda cortando o cabelo sempre vem.Então esta foi apenas um parte do que tem acontecido comigo..Mas estou conseguindo serenidade e alegria como sempre pra viver meus dias indo em busca de soluções,uma das é a mudança no visual que adotei cabelos longos como eu realmente queria mas algo me impede.

Então estou usando nada mais que o cabelo que as americanas usam conhecido como full lace ou lace front. Que logo mais farei resenhas ou explicarei melhor o que é este tipo de cabelo que faz a cabeça das americanas mas ainda está sendo introduzido no Brasil como sempre tudo com um pouco de atraso. O modelo que uso é de cabelo humano indiano, mas existem modelos sintéticos super práticos e de muito boa qualidade e pode ser usado por quem  gosta ou quer mudar o visual sem agredir os cabelos,no meu caso foi a melhor solução e tem feito parte da terapia.

DSC05251

Mas estou feliz e satisfeita enquanto isso o meu cabelo eu tento deixar quieto até o dia em que eu conseguir. Existe uma série de fatores psicológicos que fizeram com que isso afetasse o meu emocional e a busca por um alívio de ansiedade canalizada vamos assim dizer para a agravação deste meu problema mas como tudo na vida,acho que será um grande aprendizado pra mim, o primeiro passo já foi dado,já haviam me alertado para essa possibilidade mas agora que descobri que é real que não é frescura eu quero cuidar… Bom logo logo vou deixar com vocês um vídeo onde mostro e explico mais sobre o assunto bem como mostrando o que é uma full lace wig ( o cabelo que estou usando suas vantagens e desvantagens.

Um Beijo a todos, e vamos nos policiar mais no dia a dia observando nossas atitudes e manias para que um dia não se tornem algo compulsivo, difícil de controlar.

Este mural de foto retrata um pouco aquilo que disse hoje aqui,diferentes fase da vida, sempre com o desejo de deixar o cabelo crescer mas sempre impedida pela T tesoura então mantendo sempre um visual cabelo curto muitos pensam que é por gosto eu sempre soube que não era gosto e agora descobri a causa. A melhor maneira de você descobrir se tem toc por algum motivo é procurando uma ajuda médica ou psicológica para avaliação ,cada caso um caso existe diversos tipos de compulsão  .

mos

Bezo a todos(as) Fiquem todos em paz.

Você também Pode gostar de

26 Comentários

  1. Meu Nome e JOICE, tenho 21 anos…
    Já tive meus cabelos pra baixo da altura dos seios ,mas desde aos 12 anos comecei passar relaxamento sem realmente precisar …comecei a cortar as pontas pois sempre ficava danificada,na real eu nao cuidava com mascaras certas e só ia no salão mesmo pra renovar a quimica e é claro corta … dai em diante não parei mais …numca conseguia deixar passar do ombro dai sempre com Progressiva, alisante e selagens… .
    Há um pouco mais de 1 ano tentei parar de cortar e e claro foi dificil mas consegui deixar crecer ate novamente a baixo do seio… Mas tive recaídas , comescei tirar uma vez ao mes 3 cm .. . eu ainda achava que tava grande…resolvi fazer reflexos no cabelo…tive que aparar as pontas , na real nem precisava,mas cortei.. ainda nau achei que estava bom ..mas me segurei por 2 semanas , até que na outra nau consegui mais …inventei de cortar em camadas ..cortei …nau achei bom , queria mais grossas…cortei e ai sim me arrependi ,parecia que eu tinha passado o gilete.
    Para piorar a situaçao não quis cortar da orelha pra baixo , deixei maior, FICOU TRISTE.. Passou se 3 semanas nao aguentei e cortei a parte que faltava. Hj to triste com o resultado …me olho no espelho e me arrependo amargamente…toda vez e a mesma coisa …Mas mesmo assim ainda acho que deveria cortar, nau tem 1 só dia que eu nau pense…mas vem minha outra parte insana e diz; Nau corte ,aguente firme vc consegue..; e e claro a minha mãe diz tbm…
    Todo dia e uma luta!!

    Desculpa pelos erros de pontuação e ortografia.

  2. Gente eu sofro com isso há dez anos desde os meus dezesseis anos.
    Corto pinto despinto
    Faço selagem mesmo com cabelo liso
    Meu sonho é
    Deixar
    O cabelo crescer
    Mas sem controle eu mexo nele toda hora e depois me angustio tanto
    Sofro
    Me isolo
    Me preenchida em âmbito social e profissional
    Estou em tratamento espero conseguir
    Traçamos uma meta de seis meses

  3. Bom dia.. sofro com esse problema desde criança.. nunca achei que fosse uma doença, de tanto sofrer resolvi pesquisar sobre o assunto e achei o seu post.. de certa forma me senti consolada por saber que tem pessoas como eu… gostaria muito de poder fazer parte de um grupo de terapia.. acho que assim eu poderia superar este problema com mais facilidade. não aguento mais sofrer

  4. Sua hostoria é bem parecida com a minha.Parece que tenho conpulsão em cortar o cabelo e depois me arrependo,vi que isso realmente ñ era normal então resolvi pesquisar um pouco sobre isso e encontrei seu blog e vi que isso ñ acontece só comigo.Estou muito triste pois cortei ele ontem,eu sou muito anciosa.Muito obrigada por relatar sua história e poder ajudar outras pessoas.Força pra todas!Bjos

  5. Me identifiquei muito com sua história, sou absolutamente igual a vc , desde os 20 anos mudo a cor e corto meu cabelo , e sofro por fazer isso .
    Já destruí meu cabelo inteiro até cair tudo por várias vezes …
    Estou com 40 anos e iniciei um tratamento com medicação e terapia, faz 5 meses que não faço nada no cabelo , procure ajuda !!!

  6. Gente, alguém me ajuda pelo amor de Deus! Bom… Eu tenho 11 anos e minha mãe não para de cortar o cabelo, ela corta praticamente TODA semana. Eu peço para ela parar e ela ñ para! Já tentei esconder as tesouras dela, mas ela fica brava comigo e me faz devolver. Ela fala que só corta as pontinhas toda a semana. Me ajudem pelo amor de Deus!!!! Muito Obrigada. Beijos!

  7. Será que tenho algum problema? Esse ano mudei de cabelo 7 vezes. Me sinto bonita com todos, do longo ao careca, do liso ao cacheado, de todas as cores, colocado ou não. chega uma hora que me sinto mal e quero mudar, eu gosto de quase todos os tipos de cabelo, sempre quero ter todos em algum momento. As pessoas criticam muito, mas se achar que gostei, nem ligo. O que me incomoda é ver o quanto eles se importar porque não consigo parar de mudar. Na minha vida toda devo ter feito umas 30 mudanças no cabelo, falando por alto, só tenho 19 anos. Eu acho que sei lá. Ngm precisar ter o mesmo cabelo a Vida toda. Enfim. Já tô querendo mudar de novo.

  8. Olá meninas me assustei lendo o seu post,eu pensando que é normal e sofrendo muito,roer as unhas demais até quase sangrar,e vivo olhando as unhas das outras mulheres ( belíssimas ) quero meu grande mas corto muito e pinto demais,nunca estou satisfeita,vou procurar ajuda !! Obrigada por partilhar sua experiência,espero que fique curada bjsss

  9. Oi Adri, cai aqui numa pesquisa porque estou passando por isso, primeiro achei que era só uma coisa minha, vontade de mudar, mas essa semana cortei meu cabelo pela quinta ou sexta vez em menos de um ano, e estou me sentindo mal, como vc relatou eu queria meu cabelo grande e acabei cortando mais, lendo vc identifiquei que está sendo algo meio compulsivo, me mutilando, e pensando no porque tem várias hipoteses, uma delas é que pintei meu cabelo que estava loiro platinado numa situação de muita tristeza, e acho que isso me fez perder a vontade de ficar bonita, vou ler o projeto Rapunzel e lutar para parar de cortar meu próprio cabelo, e e já comecei o clareamento pra voltar a ser loira… Obrigada por escrever sua experiência, por nos ajudar!
    Beijo!

  10. Ola querida.
    Então, sua história é comovente, porém tem jeito.
    Voce procurou um psiquiatra ? Se sim, ele deve ter lhe orientado muito bem lhe passando medicação e terapia, se não, pode ser pq não li a respeito de antidepressivos, ansioliticos e terapia, seria bom voce procurar ajuda, em pouco tempo seu problema vai estar ajustado e voce tera uma vida normal.
    Um bj

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.